DIA

Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

Colunista Ariel Villanova - Notícias das Redes Sociais e das Celebridades de 13 de julho

Para o senador Romário, o funk carioca dá visibilidade a uma realidade brasileira que todos preferem fingir que não existe. E, segundo ele, o preconceito contra o funk tem a mesma raiz do preconceito que o samba já sofreu. A opinião do ex-jogador de futebol sobre o funk é relevante: ele foi escolhido para ser o relator de uma ideia legislativa que pretende criminalizar o gênero musical.

Em entrevista por e-mail ao site UOL, Romário lembrou que o artigo 5º da Constituição Federal garante o direito de livre manifestação de pensamento. "Não há como defender isso [sobre criminalizar o funk]", disse. No texto descritivo da ideia, seu autor, o empresário paulista Marcelo Alonso, escreve:

"São somente [o funk] um recrutamento organizado nas redes sociais por e para atender criminosos, estupradores e pedófilos a prática de crime contra a criança e o adolescente, venda e consumo de álcool e drogas, agenciamento, orgia, exploração sexual, estupro e sexo grupal" (sic).

Qualquer pessoa pode sugerir uma ideia de lei no site do Senado e, caso consiga reunir mais de 20 mil assinaturas em até quatro meses, um senador é designado para relatá-la. Caso a proposta seja considerada constitucional, pode até virar lei.

Mesmo contra a proposta, Romário quer promover um debate sobre liberdade de expressão no Senado.

"Temos a oportunidade de falar sobre cultura, educação, democracia e preconceito. Não acho que seja viável se proibir qualquer estilo musical, especialmente o funk, que é na verdade um movimento das favelas, da periferia". Para isso, ele deverá convocar para falar no Senado artistas como Anitta, MC Marcinho, Cidinho e Doca, MC Koringa, MC Bob Rum, Valesca Popozuda, Bochecha e Tati Quebra Barraco.

Na nossa opinião(redação) o funk "proibidão" deveria ter proibido, como o nome mesmo diz. O resto não fere o bons costumes. Até encontramos e tocamos um bom funk no programa que temos na Rádio Ondas FM.






BORIS CASOY SOFRE ACIDENTE



Atualmente como âncora do “RedeTV News” ao lado de Amanda Klein, Boris Casoy precisou se ausentar do principal telejornal da Rede TV! por motivos de saúde.

Segundo informações do colunista Flávio Ricco, o jornalista sofreu um pequeno acidente doméstico e acabou se machucando ao levar um tombo e precisou inclusive tomar alguns pontos na testa por conta disso.

Boris Casoy ficará longe da telinha. A coluna ainda informa que o âncora voltará ao ar a partir da próxima semana, quando estiver completamente recuperado, fazendo dupla novamente com Amanda Klein.





JULIANA ESCUTA DO FILHO - "VC É BANDIDA MÃE?"

No ar como a apaixonada Bibi de “A Força do Querer”, Juliana Paes está começando a colher os frutos de sua personagem da trama de Glória Perez. Isso porque, o filho da atriz, Pedro, de 6 anos, foi hostilizado enquanto brincava no parquinho do condomínio, na última semana. É o que informa o jornal “Extra”.

O pequeno estava brincando no parquinho do condomínio quando ouviu um amigo chamar a mãe de bandida em razão da repercussão do envolvimento da personagem Bibi no mundo do crime na novela das 21h.




“Mãe, é verdade que você é bandida?”, perguntou ele. Juliana disse que conversou por algumas horas com o menino para que ele compreendesse a situação.

A atriz falou sobre o episódio em entrevista dada para o “Fantástico”, no bate-papo com Fabiana Escobar (a Bibi Perigosa da vida real), mas o trecho sobre o filho acabou sendo editado e não foi ao ar.

Em entrevista recente ao Gshow, Juliana já havia contado que sofreu assédio por conta da personagem. “Eu ganho muito puxão de orelha. É o tempo todo: ‘Acorda, tenho vontade de dar uns tapas na sua cara. Tenho vontade de te sacudir, mulher'”, afirmou a artista.






SIMONE E SIMARIA NO THE VOICE KIDS

Saem os dois irmãos e entram as duas irmãs. A cadeira dupla do "The Voice Kids", ocupada na edição anterior por Victor e Leo, agora será de Simone e Simaria. Com a mudança, as três posições de jurados está completa. 

Além das irmãs (que respondem juntas por uma cadeira) estão Claudia Leitte (que substituiu Ivete Sangalo) e Carlinhos Brown. 

No início deste ano, Victor Chaves pediu afastamento do programa após surgirem denúncias de que ele teria agredido a sua mulher. 
O irmão Leo continuou no reality até o final, porém o clima não era mais o mesmo. 

"Sou muito grata a Deus por essa oportunidade incrível em nossa carreira. Fazer parte de um programa tão lindo, como esse, é uma glória! Queremos agradecer a cada um, que acreditou na gente, no nosso talento, e que permitiu que fizéssemos parte do The Voice Kids. Nosso coração está pulando de alegria. Estamos prontas para assumir essa missão tão importante de avaliar o talento desses jovens lindos e talentosos. Não vai ser fácil não, mas estamos prontas", diz Simone ao site oficial do "The Voice Kids". 

Com o novo time de jurados montado, a nova edição do programa deverá estrear no início de 2018, com apresentação de André Marques e Thalita Rebouças.

BRUNA NÃO AGUENTA MAIS

Desde que se separou de Neymar, Bruna Marquezine está precisando lidar com as milhares de marcações de fãs que ainda torcem pela reconciliação do casal! Mas, a atriz não que ser mais marcada em fotos do atacante do Barcelona, seu ex-namorado.

Através de um comentário numa página de um fã clube, Bruna fez um apelo aos admiradores do casal “Brumar”. “Por favor… parem de me marcar. Obrigada“, escreveu Bruna em um post do fã-clube “Imagine BruMar Bnj”.


TIRULLIPA

Tirullipa, filho do humorista e deputado federal Tiririca, revelou que quase se separou da mulher após arrematar um passeio com a atriz Larissa Manoela! O ator desembolsou R$ 36 mil no leilão organizado para arrecadar fundos para o instituto Neymar Junior.

“Quase que separo. Eu fui ligar para a minha mulher e pedir os dados dos cartões de crédito e ela bloqueou tudo. Quase me matou! Eu tive que fazer promissórias. Paguei a primeira parcela e ainda faltam quatro (…) Eu sou muito consciente, não sou gastador. Mas, naquele dia, era uma vontade grande de ajudar o instituto e agradar minha filha mais velha, Lalynha. Ela chorou muito, não estava acreditando“, contou Tirulipa ao jornal “Extra”.



Para o ator, ver o sorriso da filha foi o mais importante: “Foi caro, mas não tem preço fazer a felicidade da minha filha e de outras crianças. Depois, conversando, minha mulher entendeu a situação”.

........OI.......VOLTE LOGO QUE ESTAMOS ATUALIZANDO DE 1 EM 1 HORA